COMO FAZER GUERRA ESPÍRITUAL ( 5) – HAROLD CABALLEROS

download

A CAUSA DOS PROBLEMAS – Is 41.4

“A maldição sem causa não virá” (Pv 26.2b). Para respondermos as causas que fizeram nossa sociedade ser o que ela é hoje, temos de compreender um conceito profundamente enraizado no coração de Deus e na Palavra. É o conceito de “gerações”, palavra mencionada mais de 700 vezes na Bíblia.

Deus vê muito além da pessoa em si, vendo-a desde os seus antepassados até os seus descendentes.

O homem que hoje vemos é fruto de gerações passadas (Gn 18.19).

Deus é um Deus de gerações. Muitas vezes ele se apresenta como o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó (Hb 7.9,10).

Êxodo 43.5-7 – Dentre os elementos básicos do caráter de Deus, encontramos uma referência às gerações (Dt 7.9; Sl 105.8-10).

1.   A Herança

Os dicionários definem a palavra “herança” da seguinte maneira:

1.   Direito de herdar. 2. Conjunto de bens, direito e obrigações que, ao morrer uma pessoa, podem ser transmitidos aos seus herdeiros ou legatários. 3. Traço ou traços morais, científicos, ideológicos, etc., que, havendo caracterizado uma pessoa, continuam sendo, observados em seus descendentes. 4. Traços ou circunstâncias de índole cultural, social, econômica, etc, que influem num momento histórico e que procedem de um momento anterior. 5. Conjunto de caracteres que os seres vivos recebem de seus progenitores.

De acordo com essa definição, podemos herdar tanto as coisas tangíveis, quanto as intangíveis.

a)   A herança genética

São aquelas características ou semelhanças físicas que herdamos de nossos pais. O que se transmite pode ser algo mau, e não somente o que é bom. A herança genética tem esse nome porque pode ser transmissível por meio de genes. Podemos qualifica-la dentro da área correspondente ao corpo físico.

b)  A herança ambiental

De nossos pais, também recebemos outras coisas invisíveis, intangíveis, porém reais, tais como características psíquicas: a personalidade, o temperamento,  as características culturais, o idioma, a maneira de enxergar a vida e o modo de enfrentar a própria realidade, e, é claro, as condições sociais que recebemos de nossos antepassados. A isso chamamos herança ambiental, porque é produto do meio ambiente no qual crescemos e nos desenvolvemos. De nossos pais herdamos fatores que influenciam o nosso desenvolvimento individual, e, da mesma maneira, os transmitimos aos nossos filhos.

Uma cidade não é outra coisa senão um conjunto de pessoas. Como as pessoas têm uma personalidade e uma cultura, da mesma maneira podemos entender que uma cidade tem sua própria personalidade e cultura.

c)   A herança espiritual

Da mesma maneira que herdamos de nossos pais fatores físicos e psíquicos, recebemos também uma herança espiritual.

Jó 8:8-10 – Algumas vezes Deus expressa o conceito de herança espiritual quando diz: “Eu sou o Senhor, teu Deus, Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem…”

Se a cruz do Calvário não se fizer presente, os filhos herdarão as debilidades espirituais de seus pais.

Existe um princípio espiritual na Bíblia a que poucos dão atenção: “Cada geração está destinada a determinar o futuro integral da próxima geração”. Tudo o que somos ou fazemos terá uma consequência  ou efeito sobre nossos filhos (Ez 18.2).

2.   A herança constitui o “porque”

Assim como uma pessoa vem a ser a extensão de seus pais, assim também uma geração completa numa cidade ou nação é a extensão de gerações que a antecederam.

Os “pecados corporativos” ou “pecados nacionais” são os pecados cometidos por uma comunidade ou por seus representantes. Pode tratar-se de um pecado coletivo, uma ação ou omissão, pela qual todos são responsáveis. Também podem ser pecados de seus governantes, pecados que têm consequências para toda a sociedade.

Há pecados que pertencem a um conglomerado social, muitas vezes cometidos em nome da “cultura”, ou simplesmente porque ninguém questiona se certo hábito nacional é abominável para Deus, É o caso de certos feriados, de carnavais, de procissões e festas pagãs que cidadãos educados e cultos, no sentido exato da palavra, repetem vez após vez, sem questionar a origem de tais atividades.

2Sm 21.1 – A causa do problema que flagelava o reino de Davi não era culpa dele, nem daquela  geração. Mas tratava-se de um problema “herdado”. A culpa tinha sido de Saul, que já tinha morrido, mas Israel e Davi, seu rei, estavam então sofrendo as consequências. A razão especifica foi o derramamento de sangue dos gibeonitas.

Js 9:3-5; 15,18 – Neste caso o pecado de um governante teve consequências que atingiram todo o povo na geração seguinte. O pecado de Saul abriu uma porta para o diabo trazer fome sobre todo o povo, ainda que em outra geração, com outro governante.

Espírito familiares são os que se apegam à uma família e passam de geração a geração. Pelo fato de algumas portas terem sido abertas para o Maligno numa família, um espírito familiar encontra espaço para modelar essa família até que ela reflita as características desse espírito em particular.

Podemos projetar a influência desses espíritos  sobre um conglomerado social, de tal maneira que podemos dizer que, numa cidade, as pessoas em sua maioria, têm uma características em comum no seu comportamento. Por exemplo, evidenciam um nível anormal de determinada característica em comum no seu comportamento. Pr exemplo: evidenciam um nível anormal de determinada característica podendo ser de violência, de imoralidade, ou são conhecidas como um povo sem medo, ou que para tudo acham um jeito de burlar a lei, e assim, por diante.

Muitas das situações pelas quais passamos em nossa vida, tanto no âmbito físico como no da alma ou, ainda, no âmbito espiritual, são o resultado das ações e omissões dos nossos antepassados. Tanto Neemias, como Daniel (nos seus respectivos livros) nos instruem acerca da necessidade de clamar pelo perdão dos pecados de nossos pais, de nossos antepassados.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s